sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

A saga do cão


Ando à procura de um labrador ou de um golden retrivier para oferecer, mas isto está difícil. Quando encontro alguém que os está a oferecer já vou tarde. Quando procuro vendas, até me assusto com o preço. Como é que um cão pode custar tanto dinheiro???

6 comentários:

Lacorrilha disse...

A oferecer não acho nada de fiar, a menos que sejam pessoas da tua inteira confiança. Os cães de raça pura são mesmo caros, esses não sei quanto custam, a minha Yorkshire Terrier foram 700€, com LOP (Pedigree).

O Blog da S. disse...

Aproveitam-se...
Eu adoro rafeiros.

Mrs. BlueBerry disse...

São muito caros, sim senhora. Eu tive sorte, os dois que tive um foi dado em bebé (labrador creme) e o outro veio do canil com 9meses (labrador preto), raças puras.
Procura nos canis, com esta crise as pessoas cada vez mais abandonam os seus animais, mesmo os de raças. Pode não ser bebé mas os labradores são das raças mais meigas que existem que se adaptam bem.

BJ*

Tete disse...

São caros sim. Aqui à tempos estive a sondar preços e andavam pelo 250 a 300. Mas também os vi a 400.
Depende muito da linhagem, e das pessoas se quererem ou não aproveitar e lucrar com os desgraçados dos bichinhos.
Eu tenho um lab preto, com quase 5 anos. Adopta-mo-lo quando ele tinha 2 anos e tal. Somos o seu terceiro/quarto dono.
Se fores adoptar um animal já com algum tempo (mesmo que pequeno), é preciso ver porque podem ser traumatizados, o meu é. Exemplo disso foi o grande problema para o fazer entrar no carro, que para ele era uma viagem de possível abandono. Tem atitudes, já foram mais, em que se nota carência.
É o meu bebe grande, são uma excelente escolha. Adora as crianças da família.

Tete disse...

Ah, exemplo da exploração a que os sujeitam apenas para lucrar, é os cruzamento entre irmãos ou próximos onde resultam bebes com deficiências.
Tive um familiar que comprou uma cachorra a uma pessoa conhecida a 150/200 e a cadela tem uma aparência muito estranha (foge um pouco aos traços de labrador)e tem uma deficiência ao nível do maxilar (um maior que outro)que só foi notada já em casa e quando ela começou a comer ração. Por isso muito cuidado.

Lacorrilha disse...

Estás bem? Beijinhos